Lisbon & Sintra Film Festival

Categoria
Eventos
Última data
domingo, 26 de novembro de 2017

A 11ª edição do Lisbon & Sintra Film Festival, que se irá realizar de 17 a 26 de novembro, prepara-se para reunir, de novo, o que de melhor se faz no mundo da sétima arte.

Com um programa de qualidade e inovador, orgulhoso do nosso passado mas virado claramente para o futuro, o LEFFEST aposta na interligação de propostas culturais, aliando o cinema à literatura, passando pela música e pelas artes plásticas, e afirma-se enquanto lugar propício à reflexão e discussão dos temas que marcam a atualidade.

A atriz Isabelle Huppert será o foco principal do Lisbon & Sintra Film Festival ’17, com uma grande retrospetiva dos filmes que protagonizou, a exibir no Centro Cultural Olga Cadaval, e com uma exposição de fotografia, Isabelle Huppert: Woman of Many Faces, com inauguração a 18 de novembro no MU.SA – Museu das Artes de Sintra, com a presença da atriz e artistas com os quais  colaborou.

Esta edição reserva um lugar importante para o cinema português, com dois nomes cuja obra, pela importância que tem, precisamos de conhecer melhor em Portugal.

Será exibida uma retrospetiva integral da obra de João Mário Grilo, realizador, académico e investigador na área do cinema e da arte contemporânea, e autor de uma filmografia rica e multipremiada, na ficção e no documentário.

A retrospetiva conta com uma curta-metragem inédita, Não Esquecerás, a partir do conto epónimo de Dulce Maria Cardoso. O festival irá mostrar também a obra do documentarista José Vieira, radicado em França e particularmente dedicado à problemática da emigração - em particular, o êxodo  de milhares de portugueses para França, na década de sessenta - com uma seleção de filmes elaborada pelo realizador.

Na programação eclética do festival integram-se também duas sessões especiais que honram a relação entre o cinema e a música. A primeira alia a exibição de Images of the East, um filme de Gidon Kremer e Sandro Kancheli, à participação do escultor sírio Nizar Ali Badr, seguindo-se um concerto com Gidon Kremer e um debate em torno da crise dos refugiados.

Noutra ocasião, apresentar-se-á o filme Alain Planès, L’Infini Turbulent, da violinista e cineasta Dominique Lemonnier (conhecida como Solrey), sobre Alain Planès, pianista  virtuoso, fascinado  tanto  pelo repertório  clássico como pelo contemporâneo. A projeção será seguida de um recital de Alain Planès, que interpretará  Stockhausen, Schubert e Chostakovitch.

Nos dias 17 e 18 de novembro, o LEFFEST apresenta no Centro Cultural Olga Cadaval a peça Ensaio para uma Cartografia, de Mónica Calle. Estreado no Teatro Nacional D. Maria II, com sessões sempre esgotadas, o espetáculo surge dos ensaios de orquestra de grandes maestros e dos movimentos do ballet clássico, agora numa versão atualizada.

Afirmando-se como lugar propício à reflexão e discussão dos temas que marcam a atualidade, o Lisbon & Sintra Film Festival promove ainda a organização do Simpósio Internacional, com curadoria de Marie-Laure Bernadac e Bernard Marcadé. “Pode a Arte ser ainda subversiva?” é o repto que irá convocar artistas, realizadores, filósofos, músicos e atores internacionais ao Centro Cultural Olga Cadaval, nos dias 24 e 25 de novembro.

Mais informações em http://www.leffest.com/

 

Fonte: CMS